Share:

Cushman & Wakefield comercializa mega terreno para promoção de novo projeto urbano na Amadora

4/20/2021

A Cushman & Wakefield  foi instruída em exclusivo pelo Millennium bcp para a venda de um conjunto substancial de terrenos localizado no centro da Amadora.

Os terrenos, que totalizam 111 hectares dos quais 38 hectares correspondem a área livre urbana e urbanizável, podem vir a permitir, atendendo ao Plano Diretor Municipal (PDM) em vigor, cerca de 250.000m² de construção acima do solo. A propriedade situa-se junto ao centro da cidade e desenvolve-se ao longo da freguesia da Mina desde a linha de caminho de ferro até ao bairro dos Moinhos da Funcheira. O Millennium bcp está a trabalhar com a Câmara Municipal da Amadora na definição de subunidades com características distintas para promoção de projetos maioritariamente residenciais de média e alta densidade no que será a mais importante bolsa para promoção residencial para a classe média da Grande Lisboa nos próximos anos. Os projetos também terão de integrar áreas de comércio e serviços de proximidade bem como espaços verdes e de lazer.

A propriedade possui assim um potencial de desenvolvimento ímpar podendo vir a ser a futura localização de um projeto urbano exemplar e impactante numa zona central e estratégica e com excelentes acessos ferroviários e rodoviários ao centro da capital e a todos os pontos da Grande Lisboa. Atendendo ao novo ciclo de mercado com mais pessoas a trabalhar a partir de casa e com a maior aposta de urbanistas e urbanizadores em projetos mais verdes, limpos, tecnológicos e melhor conectados, estes terrenos reúnem as melhores condições para o desenvolvimento do tão falado conceito da cidade de 15 minutos, cujo propósito é melhorar a qualidade de vida dos cidadãos ao transformar as cidades em locais onde tudo pode ser alcançado em, no máximo, 15 minutos, seja a pé, de bicicleta ou de transporte público.

Terreno Villafundo

Para Ana Gomes, partner e diretora do departamento de Development & Living da Cushman & Wakefield em Portugal, “esta é uma rara oportunidade de promoção futura com escala numa localização suburbana excecional a um preço extremamente competitivo e numa zona cada vez mais estratégica, especialmente considerando a necessidade crescente de habitação moderna e flexível para a classe média. E é uma ótima oportunidade para a criação de novos lugares mais amigos das pessoas, com novas dinâmicas e atividades em benefício das populações locais.”


CONTACTO PARA A IMPRENSA

Filipa Carmo
Filipa Carmo

Associate Director, Head of Marketing & Communications • Lisbon

Press releases recentes

Lisbon aerial view onto retail street
Confinamento no primeiro trimestre impacta investimento em imobiliário comercial em Portugal

A Cushman & Wakefield apresentou hoje os dados mais recentes relativos à atividade de investimento imobiliário comercial em Portugal. O ano de 2021 ficará indubitavelmente marcado pelo forte impacto da pandemia no setor, com uma quebra no volume de investimento no primeiro semestre do ano na ordem dos 69%. 

7/19/2021

Offices Lisbon Lumnia
Cushman & Wakefield selecionada para a comercialização do edifício Lumnia

A Cushman & Wakefield foi selecionada pela Avenue para a comercialização, em regime de arrendamento, do edifício Lumnia parte integrante do projeto EXEO Office Campus, no Parque das Nações.

7/14/2021

lifestyle portugal
Cushman & Wakefield revela que mais de um terço dos investidores imobiliários querem investir no mercado hoteleiro

Mais de um terço dos investidores imobiliários pretendem comprar hotéis na Europa, de acordo com a última publicação da Cushman & Wakefield, Hotel Investor Beat. Apesar da crise no setor do turismo e das viagens, causada pela COVID-19, 21% dos investidores admite reduzir o investimento no setor hoteleiro e apenas 10% colocaram os seus planos em stand-by.

7/13/2021